Conto I Fábula do tempo
Posted by
Posted in

Conto I Fábula do tempo

2º Fábula do Tempo A infância colorida de cinza, sem regalias ou eufemismos. Esta é a fábrica e os que a habitam, nós. Desde meu nascimento os outros se asseguraram em preencher os momentos de quietude com os mitos assombrosos dos humanos. Segundo eles, quando você deixar de representar algum valor, seu destino tende entre manchar-se com fezes […]

Conto I Alternativa
Posted by
Posted in

Conto I Alternativa

1º  ALTERNATIVA  Ao longo dos anos, as palavras são carregadas pelo vento. Pois, pouquíssimas dispõem da verdade como base. Sou o contexto delas. É a mim que se referem os humanos em suas teses e obras artísticas. Somos todos famigerados; Destino, Caixinha de música e até mesmo o Balanço! Porém, onde está a nossa união? […]