wallpapers_mil-pedacos-de-voce4Olá, leitores! Começando romanticamente em homenagem ao dia dos namorados, vamos à resenha. 

  • Dados básicos: 

 ⇒Gênero: Drama, romance, suspense e ficção científica.⇒Número de páginas: 285. ⇒ Autor(a): Claudia Gray. 

⇒Classificação: 😻 😻 😻 😻 (Eu gostei mas poderia ter sido melhor. Explicarei melhor depois). 

  • Sinopse: 
    Marguerite Caine é filha de dois físicos brilhantes. Após anos de pesquisas e tentativas frustadas, seus pais finalmente conseguem criar um dispositivo que realiza a viajem por dimensões (chamado Firebird). Paul Markov, aluno dos Caine, é acusado de matar o pai de Marguerite, roubar o único protótipo do Firebird e fugir. Seria o plano perfeito, porém Paul se esqueceu de um detalhe pequeno mas, fundamental: Marguerite Caine. 
     O ódio é um sentimento inacreditavelmente forte, porém o amor supera tudo, até mesmo as barreiras de tempo. 
  • Minha opinião:  O livro se trata de dois jovens que viajam entre dimensões. E nessas dimensões eles encontram outras versões de si mesmos. Em cada dimensão que Marguerite se encontra com Paul, ela se questiona sobre o que realmente acredita. Seria realmente verdade? 
       Uma das características importantes deste livro são as explicações que temos sobre as viagens entre dimensões. A autora explica tudo de uma forma muito clara e simples de entender. Porém, teve um fator essencial que não me agradou no livro e acredito que a autora poderia ter desenvolvido melhor. É sobre a viagem pelas dimensões. Muitas vezes, ficou confuso como o personagem foi parar em tal lugar. Por exemplo, os personagens estão conversando e “do nada” vão para outra dimensão. Porém, o restante me agradou bastante (principalmente o Paul ♥) . Esse é o primeiro livro da trilogia Firebird. Os outros livros ainda não foram publicados no Brasil. 
  • 5 motivos pelos quais vocês deveriam lê-lo: 

♦ A ficção científica.

Snapchat-6068651162053420402

Esse foi o fator que mais me agradou no livro. A ficção científica contida nele é lógica e fácil de entender. Temos dimensões onde a tecnologia é mais avançada e com a descrição da autora conseguimos não só imaginar, mas entrar dentro do cenário. 

♦ Paul Markov.

anigif_enhanced-28181-1402271863-15

Não poderia deixá-lo de fora. O Paul me conquistou desde o início. A Marguerite o apresenta para nós a partir de lembranças. Paul me agradou por não ser um completo babaca. Geralmente, em clichês os personagens principais masculinos costumam ser aqueles bad boys, “sem coração” , grossos com a mocinha. Não que chichês sejam ruins, porém dependendo do modo que são usados, acabam deixando o contexto entediante. Já Paul, pelo menos até esse livro, não é nem um pouco assim. 

♦ Josie

tumblr_ncxwjdE4nG1tm6jmjo1_500

Josie é a irmã mais velha de Marguerite. Ela é a personagem secundária porém, me pareceu super interessante. Espero que nos próximos livros a escritora dê um destaque para ela, pois Josie parece ter muita coisa para contar. Ou quem sabe um livro só dela? (Não sei se a editora está lendo, mas caso esteja, quero deixar claro: eu compraria ♥)

♦ Senhores Caine.

BEN (OPÇÃO 1)

Eles são físicos incríveis. E isso é tudo o que eu tenho a dizer. Vocês sem sombra de dúvida, irão se cativar com eles.

♦ Final

gif4efs

Não darei spoilers. Acontece muita coisa do meio para o final. E as reviravoltas só te deixam com mais vontade de chegar terminar o livro. O final me agradou mas não me prendeu. Quero comprar o próximo quando for publicado entretanto, não tenho aquela vontade esmagadora de saber o que acontece no segundo livro.

≈ Algumas Quotes: 

"Meu ódio é mais forte que as dimensões, mais forte que a memória, mais forte que o tempo. Meu ódio agora é a parte mais verdadeira do que sou."
"Preciso de você. Preciso de todas as versões de você. Então não se atreva a apagar perto de mim de novo. Está entendendo?"
"Só é possível aprender quando admitimos que não sabemos algo. " 
"Você só cruza a linha da maturidade na primeira vez em que sofre uma mudança que é eterna. " 
"Toda forma de arte é outra maneira de ver o mundo. Uma nova perspectiva, uma nova janela. E a ciência... é a janela mais espetacular de todas. Dá para ver o mundo inteiro através dela."

Espero que tenham gostado! Digam nos comentários, consegui convencer vocês a lerem? Quem já leu, concorda comigo? Se não, porquê? 

Bye, bye! ♥